terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Uma paisagem na janela


Há 36 anos eu vejo esta paisagem. Este "há" poderia ser de tédio, mas não é. É sempre um prazer inenarrável arrumar as malas e atravessar o estado em direção a praia.
Itapema me viu adolescer. Cheguei aqui com 15 anos e nunca mais deixei de vir. Quem era pequeno, cresceu. Quem já era grande, amadureceu. Os jovens que tinham filhos pequenos agora têm filhos jovens, os cômoros de areias brancas agora são pequenos montinhos e a cidade cresce a olhos vistos. Mesmo assim, com mais turistas (percebam a petulância de já me sentir nativa)esta cidade/praia não perde seu encanto.
Da sacada, todos os dias vejo o sol nascer, o barco de pesca sair da água, os guarda sóis chegarem e partirem ao anoitecer. Em dias de lua cheia vejo ela nascer no horizonte. E, assim, ano após ano um espetáculo se faz frente aos meus olhos.
Hoje resolvi mostrar um pouco deste paraiso que posso usufruir. Fiz uma panorâmica muito grosseira para mostrar a baia que contemplo. A esquerda o morro do Cabeço, ao centro o horizonte e a direita a Meia Praia e Porto Belo.
São 17h de uma terça-feira de dezembro e eu estou aqui tranquilizando meus olhos e minha alma para entrar 2010 revigorada.
Aproveitem comigo...





Um detalhe do morro do Cabeço


E, já há alguns anos, o Brasil e o mundo para por aqui e conhece nossas maravilhas.


Um comentário:

Tereza Guardiola disse...

Só mesmo você Sho, para fotografar e descrever tão bem, esta paisagem tão linda que generosamente desfruto com vocês! É isso ai, menina Nina, que 2010 seja um ano
magnífico, pois realmente merecemos!Beijos carinhosos
The

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...